terça-feira, 19 de novembro de 2013

Um Dia Ele Quis Ser Batman. E A Cidade Uniu-se Para Lhe Fazer A Vontade.

Li a história em segunda mão aqui. A história original está aqui. Mas o enredo é simples: uma criança cuja roleta não lhe foi justa, luta contra a leucemia. Queria um dia ser o batman. Lutar contra o crime de uma cidade.

Não quis ir aos Himalaias, não quis ir à lua, não quis conhecer o presidente. Impressionante que quis ser uma personagem que representa o bem. Um ideal de justiça. Isto de uma criança que tem leucemia. E a cidade vestiu-se a rigor para proporcionar um sonho. E esse sonho, que é o sonho daquela criança, é um mundo melhor.


4 comentários:

CAP CRÉUS disse...

Foi bem esgalhado!
Boa sorte para o puto!
*Himalaias :-)

melody disse...

Ainda há pessoas que não vivem só pró seu próprio umbigo. E ainda bem! :)

E disse...

Cap creus

Sim, boa sorte para ela, acima de tudo.

Melody

E bem sabemos que és mais uma :)

Carol disse...

As crianças são melhor deste mundo e mesmo quando ele é injusto elas dão-nos uma lição de vida!